A conferência de Sócrates

Só me resta aplaudir a forma correta como é interpretado o Caso Sócrates. Dentro das minhas possibilidades, tenho feito o mesmo. Como já escrevi, só conheço José Sócrates de nome. É com o assédio mau, constante e violento que lhe fazem, que me revolto. Para mais, tendo-lhe tirado, a possibilidade de se defender. Carlos Patrício Álvares (Chaubet)

VAI E VEM

O jornal Público traz hoje uma peça sobre o caso  Lava Jato, no Brasil, na qual se pode ler o seguinte:

“[ A corrupção] da Lava Jato (…) é levada a cabo por uma task-force de procuradores do Ministério Público e polícias federais comandados pelo juiz Sergio Moro, especializado em crimes financeiros e lavagem de dinheiro e um estudioso da Operação Mãos Limpas em Itália, cujas estratégias tem procurado aplicar na condução da Lava Jato. Uma delas é a fuga de depoimentos e provas para a imprensa e a ampla exposição mediática do processo ­– reforçada pela disseminação nas redes sociais –, garantindo o apoio da opinião pública e impedindo as figuras investigadas de travar o trabalho judicial.(…)”.

Ao ler o excerto acima, verifico que também em Portugal o caso italiano e agora o brasileiro, fazem escola no…

View original post mais 415 palavras

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: